Você está em Entretenimento > Pontos turísticos

Palácio Real - Milão

O Palácio Real que está situado à direita da fachada do Duomo, em posição oposta à famosa Galeria Vittorio Emanuele II, foi durante muitos séculos a sede administrativa e residência real da cidade de Milão.  Na época do domínio Habsburgo o palácio passou por uma grande remodelação arquitetônica a cargo do arquiteto italiano Giuseppe Piermarini, adquirindo feições neoclássicas.

Sede do governo da cidade desde a Idade Média, já foi chamado de Palazzo Del Broletto Vecchio e também como Palazzo dell’Arengo,  viu seu papel de centro político ser reforçado após a ocupação pelas famílias della Torre, Visconti e Sforza. A partir de então, tornou-se cenário pomposo cotidiano da corte, testemunhando nomeações e recepções solenes.

Em meados do século XVII, devido ao Tratado de Ultrcht, Milão estava sob o domínio da Áustria. O Palácio Real foi então revestido com ornamentos e decorações inspiradas no Barroco Tardio Teresiano, antes de ser submetido à remodelação neoclássica no fim deste século, idealizada por Giuseppe Piermarini.

O Palácio já foi residência oficial de Maria Teresa da Áustria, Napoleão Bonaparte, Fernando I das Duas Cicílias e a Casa de Savóia. Até que em 1920 passou a ser propriedade estatal e foi aberto à visitas públicas. Atualmente é um importante centro cultural sede de mostras e exposições.

 

Como referenciar: "Palácio Real - Milão" em Só Italiano. Virtuous Tecnologia da Informação, 2011-2019. Consultado em 26/05/2019 às 21:11. Disponível na Internet em http://soitaliano.com.br/conteudo/Pontos_Turisticos_Milao.php